21 3327-3527

A Auriculopuntura, também conhecida como auriculoterapia, é uma técnica terapêutica que envolve a estimulação de pontos específicos na orelha externa para tratar diversas condições de saúde. Sua história remonta a civilizações antigas como no antigo Egito (Hieróglifos em tumbas egípcias mostram figuras com orelhas e marcas indicando o tratamento), na antiga China (estava inserida dentro da MTC).

Esta técnica terapêutica foi introduzida no Ocidente apenas no século XX, durante a década de 1950, na França, pelo médico Paul Nogier, considerado o pai da auriculoterapia moderna (ou ocidental).

Portanto, existem atualmente duas escolas ou tipos de Auriculopuntura: a técnica tradicional chinesa e a técnica moderna francesa. Ambas abordagens compartilham o princípio fundamental de que a orelha é um microssistema que reflete o corpo inteiro e pode ser usada para diagnosticar e tratar uma variedade de condições de saúde, sendo eficazes dentro de suas diferenças.

Na técnica tradicional chinesa, os pontos auriculares são selecionados com base na teoria dos meridianos, da energia vital e na análise dos sintomas do paciente, enquanto que na técnica francesa, os pontos auriculares correspondem a órgãos, sistemas e áreas do corpo conforme a anatomia humana e são selecionados com base na análise dos sintomas do paciente e na correspondência com o mapa auricular baseado na anatomia e conexões do sistema nervoso humano.

Em minha experiência, nos casos envolvendo distúrbios prevalentemente físicos como, por ex., nas dores e inflamações, utilizo mais a técnica francesa, e quando encontro alguma causa de ordem psíquica ou psicossomática na origem da doença, utilizo os pontos da técnica chinesa para tratar estas áreas do mental, como por ex., na ansiedade, depressão, estresse e traumas psicológicos.

 

Abrir o WhatsApp
Olá, precisa de ajuda? Estamos online